A Menina que Roubava Livros




Autor: MARKUS ZUSAK

Editora: Intrínseca


"Entre 1939 e 1943, Liesel Meminger encontrou a Morte três vezes. E saiu suficientemente viva das três ocasiões para que a própria, de tão impressionada, decidisse nos contar sua história, em A Menina que Roubava Livros, livro há mais de um ano na lista dos mais vendidos do The New York Times. Desde o início da vida de Liesel na rua Himmel, numa área pobre de Molching, cidade desenxabida próxima a Munique, ela precisou achar formas de se convencer do sentido da sua existência. Horas depois de ver seu irmão morrer no colo da mãe, a menina foi largada para sempre aos cuidados de Hans e Rosa Hubermann, um pintor desempregado e uma dona de casa rabugenta. Ao entrar na nova casa, trazia escondido na mala um livro, O Manual do Coveiro. Num momento de distração, o rapaz que enterrara seu irmão o deixara cair na neve. Foi o primeiro de vários livros que Liesel roubaria ao longo dos quatro anos seguintes. E foram estes livros que nortearam a vida de Liesel naquele tempo, quando a Alemanha era transformada diariamente pela guerra, dando trabalho dobrado à Morte. O gosto de rouba-los deu à menina uma alcunha e uma ocupação; a sede de conhecimento deu-lhe um propósito. E as palavras que Liesel encontrou em suas páginas e destacou delas seriam mais tarde aplicadas ao contexto a sua própria vida, sempre com a assistência de Hans, acordeonista amador e amável, e Max Vanderburg, o judeu do porão, o amigo quase invisível de quem ela prometera jamais falar. Há outros personagens fundamentais na história de Liesel, como Rudy Steiner, seu melhor amigo e o namorado que ela nunca teve, ou a mulher do prefeito, sua melhor amiga que ela demorou a perceber como tal. Mas só quem está ao seu lado sempre e testemunha a dor e a poesia da época em que Liesel Meminger teve sua vida salva diariamente pelas palavras, é a nossa narradora. Um dia todos irão conhece-la. Mas ter a sua história contada por ela é para poucos. Tem que valer a pena."

...

Sendo bem sincera, não tenho paixão por histórias tristes, fico mal, sério. Mas achei que valia o sacrifício em nome de uma boa leitura..

Esse livro já começa tenso, a narradora é a 'morte'. o.O
O sofrimento é do início ao fim, na época do nazismo, mas mesmo com todo o sofrimento o autor conseguiu me tirar risadas e até gargalhadas em alguns trechos!

A história é triste sim, mas não é só desgraça. Valeu cada página lida! Recomendo.

Minha personagem preferida: Rudy Steiner.
Acabamento: Perfeito! Capa elegante, abas *-* , páginas amareladas - minha visão agradece! ;)


Post atualizado em 11/10/2011: 
O livro é muito bom! É uma história triste sim, como pode-se esperar de uma narração na época do nazismo, MAS nem só de tristeza vivem as pessoas, e essa é sacada do autor, na minha opinião. A menina tem umas tiradas engraçadas, sabe..? Ela é uma personagem muito "humana", no que se refere a sentimentos, por isso a narrativa não fica cansativa no meio de todas aquelas tragédias.. Ele não prende a menina só à tristeza, depressão, sofrimento.. Ela é só uma criança, e é assim que é contada a história, por quem observa uma criança.. Ah, é muito bom! Vale a leitura!!! rsrs.. ;)

2 Pitacos:

Carlinha disse...

Amigaaaaa, oieeeeee.
Tudo bem?

Briga comigo não. Eu fiz a postagem na correria, e esqueci de colocar os créditos. Perdoa eu????????

Eu achei o seu comentário sobre o livro tão simples porém, perfeito, que não resiti e copiei. *-*

Já dei os devido créditos.

Te amo
kiss♥

Teté disse...

Amiga, que isso.. não precisa pedir desculpa não! tenho certeza que não foi por maldade, sempre soube que você é contra essas coisas de plágio e tals, já li até posts seus reclamando disso. Sei o quanto é desligada e senti saudades de te dar uma "cutucada", e em nome aos velhos tempos da Contax eu não podia deixar de implicar com você.. huahauhauhua.. Fique tranquila que não levei na maldade! E fico feliz que tenha gostado do post.. até me animou de fazer outras resenhas que tenho aqui de outros livros.. no final isso foi um incentivo!! te adoro!!! PS: Seu blog tá cada dia mais lindo!!!!!!!!! *-*


up